Ver Carrinho “MALDITOS AMIGOS” foi adicionado ao seu carrinho.
  • ZAHNA

    0 de 5

    Atormentada por uma temível maldição, que se traduz numa chama no topo da cabeça – intensificada sempre que fica colérica -, banida da sua aldeia natal e forçada a um exílio que não desejou, a guerreira Zahna não tem a vida facilitada. Com uma indisfarçável sede de vingança e enquanto se questiona sobre tudo o que de inesperado lhe aconteceu, inicia uma busca por alguém capaz de lhe devolver a tranquilidade, libertando-a daquele fogo danado…

    Da mesma autora, na Polvo: “Deixa-me entrar”.

    15.99€
  • PATAGÓNIA

    0 de 5

    Nesta singular aventura, escrita de forma apaixonada por Mauro Boselli e esplendidamente desenhada por Pasquale Frisenda, Tex e o seu filho Kit Willer viajam até à Patagónia, nos confins da Argentina, ao pampa, para participarem numa missão que é, ao mesmo tempo, de resgate de prisioneiros e punitiva, na sequência de sanguinários ataques por parte dos índios. Trata-se de uma movimentada história, cheia de acção, que aborda com singular realismo o genocídio das tribos índias e onde assistimos à luta de um povo pela sua sobrevivência, à custa de muita tenacidade, determinação, heroísmo, vontade de liberdade, sacrifício, sangue e mortos.

    16.99€
  • CICATRIZ

    0 de 5
    10.90€
  • OS REGRESSOS

    0 de 5
    10.90€
  • O MAESTRO, O CUCO E A LENDA

    0 de 5
    14.99€
  • MALDITOS AMIGOS

    0 de 5
    14.99€
  • CAPITAN JACK

    0 de 5
    16.99€
  • VOLTA 2ª EDIÇÃO

    0 de 5
    12.99€
  • OLIMPO TROPICAL

    0 de 5
    14.90€
  • O RIO SALGADO

    0 de 5
    15.79€
  • O ATENEU

    0 de 5
    13.99€
  • MARIA – A MAIOR DAS SUBVERSÕES

    0 de 5
    7.50€
  • NEM TODOS OS CACTOS TÊM PICOS

    0 de 5
    6.99€
  • FIM DO MUNDO

    0 de 5
    8.90€
  • MENSUR

    0 de 5

    Um dos artistas mais talentosos da Banda Desenhada brasileira, Rafael Coutinho, está de regresso com este que é o seu mais ambicioso trabalho desde “Cachalote”, romance gráfico criado em parceria com o escritor Daniel Galera e já publicado pela Polvo.

    Em “Mensur”, Coutinho conta a história de Gringo, um andarilho que percorre cidades brasileiras em busca de trabalhos pontuais. É um dos últimos praticantes de mensur, uma luta de espadas surgida entre estudantes universitários na Alemanha do século XV. Enquanto lida com os seus próprios fantasmas e obsessões, um caso amoroso pode colocá-lo em rota de conflito com o seu passado e com segredos que jamais deveriam vir à tona.

    Um dos mais originais e impressionantes trabalhos da BD brasileira, “Mensur” é uma saga pessoal e um épico íntimo da busca por um lugar e, sobretudo, por algum tipo de paz.

    17.99€
  • OURO NEGRO

    0 de 5

    A dupla Tex Willer e Kit Carson, depois de agraciada com a “Rosa Amarela do Texas”, é nomeada pelo Governador desse estado americano para colocar um ponto final nas actividades de Bob Braddock, um homem perturbado que controla a seu bel-prazer a cidade de Hellsfire, e para investigar o irmão Jonas, um homem de negócios do petróleo, proprietário dos ricos campos de Oil Springs. Na sua chegada à cidade, Willer e Carson assistem à ousada detenção de Bob, pelo novel xerife Randy Nelson. Jonas, no entanto, contrata o habilidoso advogado Timothy Wilson para defender o irmão. Entre tiroteios, aldeias arrasadas e testemunhas corruptas, nas quais se encontra a sensual Rachel, Tex irá também desempenhar o papel de acusador no julgamento de Bob, presidido pelo temível juiz “enforcador” Felsen. Restava apenas tratar de Jonas, o que virá a acontecer num memorável e cinematográfico acerto de contas final por entre as torres de extracção petrolíferas.

    16.99€
  • O SEGREDO DO JUIZ BEAN

    0 de 5

    Em perseguição do bandido Lonnie Moon, Tex e Carson chegam a Langtry, pequeno povoado onde vive o juiz Roy Bean, “a lei a oeste do Pecos”, acabando por ajudá-lo a enfrentar Pablo Morientes e seus acólitos, interessados nos vinte mil dólares roubados pela quadrilha de Collins, dos quais acreditam ter o juiz tomado posse. Depois de auxiliar à fuga de Moon da prisão, Morientes monta duas armadilhas: uma destinada a Tex e Carson, para serem massacrados pelos Comanches de Cachorro Louco, seus cúmplices; a outra dirigida ao juiz Bean, que é atraído a San Antonio depois de receber uma carta anónima em que lhe anunciam o iminente rapto da actriz inglesa Lillie Langtry, por quem o juiz nutre uma profunda paixão. Após derrotarem os guerreiros Comanches e libertarem o juiz, que entretanto tinha sido sequestrado por Morientes, Tex e Carson chegam a San Antonio no final da apresentação da Senhorita Langtry, quando os sobreviventes do bando de Morientes e ele próprio estão prestes a entrar em acção. É então que tudo se precipita…

    16.99€
  • COISAS DE ADORNAR PAREDES

    0 de 5

    Qualquer cidade está viva, respira e expressa-se. Podemos entendê-la através dos elementos decorativos, raros ou corriqueiros, que se encontram nas suas paredes. Tudo aquilo que é possível pendurar, riscar, colar ou criar sobre elas, fala não só do nosso ambiente, mas de nós mesmos. A relação que as pessoas constroem com os seus objectos quotidianos, atribuindo-lhes valores emocionais, sociais ou até surreais é alvo de estudo de um aspirante a escritor, cujas narrativas ninguém quer publicar. Esta é a sua história.

    11.90€
  • FEALDADE DE FABIANO GORILA

    0 de 5

    Fealdade de Fabiano Gorila, de 1999, é o romance gráfico de estreia de Marcello Quintanilha, ainda sob o pseudónimo de Marcello Gaú, nome com que assinou os seus trabalhos iniciais. Baseado em acontecimentos reais da vida de seu pai, Hélcio Carneiro Quintanilha, jogador de futebol profissional na década de 1950, tem como pano de fundo o suicídio do presidente da nação brasileira, Getúlio Vargas, em 24 de Agosto de 1954, que lançou o país num caos institucional cujas consequências imediatas foram conflitos armados espalhados por vários pontos da então capital Rio de Janeiro. Trata-se de uma metáfora sobre a forma como as pessoas reagem às adversidades e aos reveses, que acabam por determinar a sua futura forma de viver. O livro foi aclamado pela crítica e confirmou o autor como um dos principais nomes na nova cena brasileira que emergia na época.

    10.90€
  • HINÁRIO NACIONAL

    0 de 5

    Hinário Nacional é um curto e delicado épico onde as histórias de diversos personagens se entrelaçam subtilmente. São relatos de pequenas tristezas e grandes dramas, todos vividos silenciosamente. É a história de alguém que se resigna com o facto de ter sido vítima de abuso sexual, e a de outro que oculta um dilacerante sentimento de culpa por ter abusado sexualmente. É a tristeza de um homem com a velhice e o desbotamento das histórias de amor. É o desejo de esquecer o sofrimento, o que se fez, de ser o que não é. E é um relato brutalmente honesto – e muitas vezes gentil – do brasileiro.

    11.90€