Ver Carrinho “A ARANHA” foi adicionado ao seu carrinho.
  • QUARENTUGAS

    0 de 5

    Um dia, estávamos a fintar pessoas no shopping, a pedir mais um copo na esplanada ou a desesperar na fila da bilheteira do cinema. No dia seguinte, ficámos fechados em casa, a tentar que o vírus não deslizasse por debaixo da porta. As opiniões dividiam-se (ainda se dividem) e não houve meio termo: ou vinha o apocalipse ou era tudo uma fantochada. E se há coisa que o “tuga” faz bem, é borrifar-se no meio termo.
    Para afastar a angústia e o desgosto, só resta uma alternativa ao ser humano: rir a bom rir. Dançar o samba mesmo na cara daquilo que nos mete medo. E depois juntar tudo num livro.

    9.90€
  • MATEI O MEU PAI E FOI ESTRANHO

    0 de 5

    Zaqueu começa com Z, a última letra do alfabeto. Deslocado por natureza e vocação: Zaqueu nasceu albino no seio de uma família de gente morena. Nasceu artista, embora a sua família nem imagine o que isso seja. É pobre, mas estuda em escola de ricos – o patrão do seu pai é mesmo um sujeito generoso. Conhecemos e tornamo-nos Zaqueu nos seus momentos mais comuns e também nos mais marcantes: a descoberta de que o seu pai tem outra família, os atritos com o irmão armado em marginal, as tentativas patéticas de desvendar o sexo oposto. Mesmo estando numa cidade de 12 milhões de habitantes, Zaqueu procura encontrar o seu lugar, talvez em vão, mas procura. Ele sabe que São Paulo o irá devorar mais cedo ou mais tarde. Pois que o devore, então.

    11.90€
  • ESCUTA, FORMOSA MÁRCIA

    0 de 5

    Mãe solteira, nascida e criada numa comunidade do Estado do Rio de Janeiro, a enfermeira Márcia vem travando uma verdadeira batalha doméstica para disciplinar a filha, a insubordinada Jaqueline. Apesar do auxílio do seu companheiro Aluísio, padrasto da garota, tudo parece inútil: Jaqueline não aceita submeter-se a nada que a impeça de andar por onde lhe aprouver, a fazer o que lhe der na real gana, sem ter de dar satisfações a ninguém. Porém, quando a jovem se vê envolvida até o pescoço com o crime organizado, Márcia está disposta a ir às últimas consequências para a livrar daquela enrascada. Quer Jaqueline queira, quer não. Marcello Quintanilha é um dos mais célebres autores de Banda Desenhada brasileiros, aclamado internacionalmente. Munido de uma paleta de cores fortes e do seu estilo único de construir diálogos, Quintanilha conseguiu outra vez: Escuta, formosa Márcia é um suspense familiar emocionante, surpreendente e inequivocamente brasileiro

    22.90€
  • A REVOLTA DA VACINA

    0 de 5

    A Revolta da Vacina – Em 1904, como fizeram tantos outros trabalhadores da sua cidade natal, Fortaleza, Zelito ruma à capital do país em busca de um emprego.

    11.90€
  • EDIBAR – VOL.5

    0 de 5

    Barrigudo, careca, amoral e cara-de-pau, Edibar é o típico anti-herói que conquista os leitores pelos defeitos e virtudes (se é que tem alguma) identificáveis naquele tipo de pessoa, familiar a muita gente, que faz da mesa de um qualquer bar um cantinho filosófico da vida e cujo desporto preferido é passar horas a cultivar amizades enquanto demonstra uma incrível capacidade de levantar copos. Acompanhado, entre outros, pela mulher, Edimunda, pelo fiel escudeiro, Zé Manguaça, por Gole, o seu cão, e pela terrível sogra, Dona Ana Conda, Edibar desvenda-nos as suas aventuras etílicas através de um humor politicamente incorrrecto saído da cabeça e do traço criativo de Lucio Oliveira, um brasileiro do estado do Paraná que se compara a um vampiro que suga gotas de humor do dia-a-dia e as transforma em tiras de boa disposição!

    12.90€
  • EDIBAR – VOL.4

    0 de 5

    Barrigudo, careca, amoral e cara-de-pau, Edibar é o típico anti-herói que conquista os leitores pelos defeitos e virtudes (se é que tem alguma) identificáveis naquele tipo de pessoa, familiar a muita gente, que faz da mesa de um qualquer bar um cantinho filosófico da vida e cujo desporto preferido é passar horas a cultivar amizades enquanto demonstra uma incrível capacidade de levantar copos. Acompanhado, entre outros, pela mulher, Edimunda, pelo fiel escudeiro, Zé Manguaça, por Gole, o seu cão, e pela terrível sogra, Dona Ana Conda, Edibar desvenda-nos as suas aventuras etílicas através de um humor politicamente incorrrecto saído da cabeça e do traço criativo de Lucio Oliveira, um brasileiro do estado do Paraná que se compara a um vampiro que suga gotas de humor do dia-a-dia e as transforma em tiras de boa disposição!

    12.90€
  • EDIBAR – VOL.3

    0 de 5

    Barrigudo, careca, amoral e cara-de-pau, Edibar é o típico anti-herói que conquista os leitores pelos defeitos e virtudes (se é que tem alguma) identificáveis naquele tipo de pessoa, familiar a muita gente, que faz da mesa de um qualquer bar um cantinho filosófico da vida e cujo desporto preferido é passar horas a cultivar amizades enquanto demonstra uma incrível capacidade de levantar copos. Acompanhado, entre outros, pela mulher, Edimunda, pelo fiel escudeiro, Zé Manguaça, por Gole, o seu cão, e pela terrível sogra, Dona Ana Conda, Edibar desvenda-nos as suas aventuras etílicas através de um humor politicamente incorrrecto saído da cabeça e do traço criativo de Lucio Oliveira, um brasileiro do estado do Paraná que se compara a um vampiro que suga gotas de humor do dia-a-dia e as transforma em tiras de boa disposição!

    12.90€
  • ARMAZÉM CENTRAL – ERNEST LATULIPPE | CHARLESTON

    0 de 5

    ERNESTE LATULIPPE

    Na ausência de Marie, que ninguém sabe se e quando ela voltará de Montreal, Serge tomou a decisão de cuidar de seus negócios a partir de agora. É necessário abastecer Notre-Dame-des-Lacs, que carece de tudo desde que seu Armazém geral caiu em desuso. Infelizmente, não é tão simples. Os fornecedores de Saint-Simon, que só confiavam em Marie, recusam-se a dar crédito a Serge. A tensão aumenta na aldeia, dividida em dois grupos: aqueles que sentem saudades de Marie (especialmente os homens) e aqueles que estão felizes por ela ter partido (especialmente as mulheres), não a perdoando por ter “cometido um erro”.
    Enquanto isso, Marie diverte-se loucamente em Montreal, sai e multiplica os amantes. Mas ela tem saudades da aldeia …

    CHARLESTON

    Nada corre bem em Notre-Dame-des-Lacs! Desde o regresso de Marie e Jacinthe de Montreal, um novo vento sopra na aldeia: as moças da aldeia aproveitam os lindos tecidos trazidos para fazer novos vestidos, os homens ensaiam o Charleston e as velhas, claro, estão escandalizadas. Marie, por sua vez, aproveita mais do que nunca a sua viuvez. É hora de colocar as coisas em ordem! Excepto… quando o padre propõe eleger um novo presidente, ninguém quer concorrer!

    29.00€
  • HOJE NÃO

    0 de 5

    Hoje Não – Cada página corresponde a um dia onde se capturam os limites da identidade pessoal num momento tão atípico na história da nossa existência, através das rotinas diárias, das crises existenciais e do que se vê na sociedade.

    10.00€
  • ABANDONOS

    0 de 5

    Um pai que se separa da mãe da sua única filha vê-se perante o
    problema de iniciar uma vida nova, numa fase laboral precária.
    Porém, a resolução de um problema maior impõe-se: como ajudar
    a sua filha, que ainda não completou quatro anos de idade, a
    compreender que ele não saiu de casa por causa dela?

    Em qualquer caso de separação conjugal, não é o mundo dos
    adultos que desaba, mas sim o mundo das crianças, sobretudo quando,
    ainda numa idade tão tenra, a sua percepção do mundo
    está concentrada na vida em comunhão com os pais na casa onde todos habitam.

    10.00€
  • O CORAÇÃO NA BOCA

    0 de 5

    Um pai que se separa da mãe da sua única filha vê-se perante o
    problema de iniciar uma vida nova, numa fase laboral precária.
    Porém, a resolução de um problema maior impõe-se: como ajudar
    a sua filha, que ainda não completou quatro anos de idade, a
    compreender que ele não saiu de casa por causa dela?

    Em qualquer caso de separação conjugal, não é o mundo dos
    adultos que desaba, mas sim o mundo das crianças, sobretudo quando,
    ainda numa idade tão tenra, a sua percepção do mundo
    está concentrada na vida em comunhão com os pais na casa onde todos habitam.

    22.00€
  • O FOGO SAGRADO

    0 de 5

    Porque gosto de BD? Porque gosto de fazer BD? Será que a Banda desenhada faz falta?
    Num mundo cada vez mais individualista e ignorante por opção, só um cataclismo global poderia mostrar à humanidade a utilidade da cultura e de quem a produz. Ou talvez não.
    Uma autobiografia fictícia pós-apocalíptica viral.

    12.50€
  • CHURUBUSCO

    0 de 5

    Esta novela gráfica é baseada na trágica história do Batalhão São
    Patrício e a sua heróica deserção, a favor do México, durante uma guerra
    desigual (1846-1848) contra os Estados Unidos. Esses eventos históricos são o pano de
    fundo para um trabalho emocionante.

    19.00€
  • O GURU BEBE BOURBON?

    0 de 5

    “O mais certo é que aqueles que nos digam: “Eu não preciso de um guru externo; eu sou o meu próprio mestre, tal como o Buda disse” — estejam a simplificar em demasia as palavras do Buda. Se examinarmos com atenção, todos os grandes praticantes que possam ter dito: “Eu sou o meu próprio mestre” também tiveram os seus próprios gurus. Até mesmo o Buda…”

    19.90€
  • APOCALIPSE – A REVELAÇÃO DE SÃO JOÃO

    0 de 5

    O Apocalipse, ou Livro das Revelações, é o último e o mais visionário livro do Novo Testamento. Atribuído ao evangelista São João, este capítulo fulcral da Bíblia é adaptado à banda desenhada.

    20.00€
  • O JOGO DAS ALTERAÇÕES CLIMÁTICAS

    0 de 5

    Um jovem portuguesa chamada Sofia foi contratada para desenvolver um jogo de tabuleiro sobre a mitigação às alterações climáticas e a adaptação às suas consequências. Com o intuito de recolher material e ideias, ela parte à descoberta com o seu irmão mais novo Gabriel – que é um pouco mais alto que ela – numa viagem pela Europa. É assim que conhecem alguns dos efeitos atuais das alterações climáticas: secas, incêndios florestais e inundações.

    13.95€
  • MANUAL DE XADREZ – NÍVEL 3

    0 de 5

    O Manual de Xadrez – Nível 3 é um livro que ensina a jogar xadrez através da resolução de exercícios práticos.
    Vem no seguimento dos manuais de nível 1 e 2, introduzindo algumas ideias mais avançadas para progredir no jogo. Neste nível 3, o acréscimo de dificuldade reside, não na profundidade de cálculo que se mantém, mas na abrangência de lances a considerar para chegar à ideia vencedora.
    Está pensado essencialmente para ser usado em ambiente de sala de aula como ferramenta de apoio ao professor e é dirigido sobretudo a alunos do 1º e 2º ciclo do Ensino Básico. Pode também ser utilizado por praticantes de outras idades que queiram evoluir de forma estruturada e autonomamente.

    9.00€
  • HERCULE POIROT – OS CRIMES DO ABC

    0 de 5

    Um dos grandes clássicos de Agatha Christie, um romance sombrio e maquiavélico, adaptado pela primeira vez para banda desenhada.

    Uma corrida contra o tempo e um guia de transportes como única pista. Aqui encontramos Hercule Poirot às voltas com um adversário desconcertante, que o avisados seus crimes e o desafia a detê-lo. Um desafio considerável para quem afirma ser o maior detective do mundo. Enquanto toda a Inglaterra observa com paixão e suspicácia, será hercule Poirot capaz de põr fim a esta série de assassinatos por ordem alfabética?

    16.50€
  • WOLVERINE – Preto, Branco & Sangue

    0 de 5

    WOLVERINE – O misterioso mutante já teve vários nomes e viveu muitas vidas diferentes. Já se contaram muitas histórias sobre os seus feitos. Muitas mais ficaram por contar.

    17.00€
  • CRIMINAL – LIVRO CINCO

    0 de 5

    Criminal livro cinco – Este volume de CRIMINAL é mais uma banda desenhada actual, um conto de tragédias que passam de geração em geração, neste espantoso universo ficcional.

    30.00€